Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Inverno

O saborear dos dias... com maior deleite e meticuloso vagar.

Inverno

O "puto" Ronaldo...

23.10.18 | Maria Rocha Soares

 

 

 

 

 

Se fosses um miserável. Mais um insignificante, estavas a salvo. Mas... " sou um exemplo 100%, dentro e fora de campo. Sou feliz, tenho quatro filhos...e agora esse relógio. 

Outra das coisas que me confundem e sou uma mulher crescidinha, chata que se farta... é como se viola uma mulher que não quer ser violada?

Pronto: tudo se consegue e há formas de violação bastante "elaboradas". Apanhar-se a pessoa desprevenida também é ingrato, no entanto... diz o homem cá de casa que "por trás", é impossível. O contacto só se facilita, se o "acesso" estiver desimpedido. Quem sou eu para dizer o contrário. Mas, esse relógio...

Ah, homem... esse relógio. A casa, a conta bancária, o dom! Ai, o dom! Raios partam, o dom que tens. Todavia, não é só o dom, pois não? Conta-me, lá.

É muito suor. Muito, trabalho! Inúmera, lesão. Muito músculo e tendão dorido, que te deixarão marcas para a vida. Muitas noites e madrugadas, a batalhar, quando o campo está deserto. E logo quando te queres divertir, pimba! Sai-te o jackpot.

Continuo a olhar para o relógio. Dois milhões? Coisa, pouca! Ah, Ronaldo. Se eu não te admirasse, começava agora. E se eu, fosse, tu... juntava-lhe outra jóia. Mais, um carro. Outro contrato milionário com qualquer marca, nem que fosse de chocolates. É do que eles e elas, gostam. Os jornalistas têm uma fome insaciável. Elas... um apetite danado. E tu... és este doce, irrecusável, por quem todos se lambuzam. 

 

  • Como é que se aguentam (cinco) a sete minutos de costas... a ser "forçada" por um jovem pujante, num local em que um, ou dois, já é um martírio quando nunca foi "tocado?"
  • Como se permitem sete minutos de penetração intensa, durante os quais se grita "que nem  possessa..." Não, não não! Oh, por favor não. Tu pára-me, seu animal... e ninguém dos que, já foi mais do que uma vez atestado, estarem na suite... ouve e impede?! 

 

Não me digas que lhes prometeste a todos,  um relógio destes! Hum... está explicado.

 

 

 

 

 

4 comentários

Comentar post