Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Inverno

O saborear dos dias... com maior deleite e meticuloso vagar.

Inverno

Pouca terra... pouca terra... ú,ú,ú...

23.12.18 | Maria Rocha Soares

 

 

 

 

Resultado de imagem para sebastian mordomo anime

 

 

Literalmente? Pareço uma composição do Alfa Pendular. Já perdi a conta às vezes que percorri este corredor. Entro no quarto, dou-lhe assistência, saio do quarto... faço o almoço. Levanto a mesa, meto mãos à massa. Acelero o  passo e preparo o recheio das Azevias.

Volto atrás... limpo o pó. Sigo para a sala, dobro a roupa, acabada de tirar do estendal... que não posso guardar no quarto, porque ela está a dormir. Re-entro na cozinha, decoro a Aletria... mal acabei de meter o Pudim, no forno.

Ando... para a frente, para trás, sem descarrilar! Um minuto de atraso. Queixa, de nenhum passageiro. Mas admito que já  começo a perder o norte. Equaciono... quantas paragens e apeadeiros me faltam, para poder, enfim, recolher à estação?

Devemos cuidar dos pais, porque fomos cuidados! Porém, juntar Natal com assistência e pernoitas de pessoas acamadas, com "bagagem" de  teenager em interrail ,não é muito inteligente.

Então: ponha-se em prática o adágio; "não deixes para amanhã, o que podes fazer hoje..." especialmente quando sabes que amanhã... vai ser mais complicado, ao receberes mais família para jantar. Será que me é permitido gritar?! Não!

Só dia vinte e seis. Mais, propriamente, à meia noite de vinte e cinco. Quando a casa, também ela balofa de comes, bebes e de gente, parece voltar à elegância original... "entrar na linha!"

Entretanto: acho que toda a dona de casa tem uma faca preferida. Que nem sempre está à mão... então? Façam-se mais uns desvios, sem lesar itinerário, ou sair da calha... porque nem todos têm um Sebastian em casa, ainda que não condiga muito com " anjos, nem santos".